POR:

Redação

360on

COMPARTILHE

Lição de vida e cidadania

Acadêmicos e professores contam como foi participar da Operação Yaguaru

3 de fevereiro de 2020

COMPARTILHE

POR:

Redação

360on

A Operação Yaguaru do Projeto Rondon chegou ao fim, mas a sensação que fica é de uma experiência transformadora. A cerimônia oficial de encerramento ocorreu na sexta-feira, dia 31, na Unioeste, e muita gente se emocionou. 

 

Ao todo, participaram do Projeto 250 rondonistas, que ofereceram oficinas e capacitações para a população de 12 municípios da região Oeste do Paraná. Foram duas semanas intensas de trabalho, mas também de aprendizado e companheirismo.

 

O Centro Universitário Univel, a única instituição privada da cidade selecionada para o Rondon, atendeu os moradores de São Pedro do Iguaçu, em parceria com professores e acadêmicos da UEPG (Universidade Estadual de Ponta Grossa).

 

A equipe da Univel foi coordenada pela professora Kátia Salomão, que  selecionou oito alunos de diferentes cursos da instituição. O acadêmico Ricardo Pereira Munhoz está no quarto ano do curso de Pedagogia na Univel e garante que participar do projeto foi uma experiência única e inesquecível.

O acadêmico Leonardo Souza, do curso de Fotografia, explica que o projeto permite que os acadêmicos tenham contato com uma realidade diferente da que estão acostumados e que isso estimula um olhar mais crítico em relação às desigualdades sociais.

Para a acadêmica Martina, do curso de Direito da Univel, a participação também foi enriquecedora. “Foi uma experiência muito pessoal. Fez com que eu me conectasse com as pessoas”. O desenvolvimento da empatia é o que destaca também o acadêmico Evaldo, do curso de Agronomia da UEPG. Para ele, o Rondon é ainda uma  ótima oportunidade para aplicar na prática toda a teoria aprendida em sala de aula.

O coordenador adjunto da equipe da Univel, o professor Adriano Azevedo, conta que o projeto impactou toda a equipe, que estava preparada para oferecer uma contribuição a comunidade, mas não para receber tanta atenção e carinho. 

O QUE É O PROJETO RONDON?

O Projeto Rondon é uma iniciativa do Governo Federal, coordenada pelo Ministério da Defesa em conjunto com outro ministérios. Conta com o apoio dos governos estaduais, prefeituras, instituições de ensino superior e Forças Armadas. E visa a integração social, o desenvolvimento sustentável e a construção da cidadania. 

 

As operações ocorrem em regiões pré-selecionadas, especialmente em municípios que apresentam baixo IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). O projeto prioriza fortalecer ações com benefícios permanentes para a comunidade,  o bem estar social e a capacitação da gestão pública, ou seja, o foco é a formação de multiplicadores de conhecimento. 

 

Para o primeiro Sargento de Intendência Vitor da Guia Parmanhani, é importante a aproximação das forças armadas dos professores, dos alunos e da comunidade. Essa relação, para o Sargento, beneficia a todos, acrescenta uma experiência social essencial aos militares que acompanharam cada uma das equipes participantes do projeto – apelidados de “anjos – e permite ainda uma mudança na percepção dos acadêmicos e da sociedade em relação aos militares. 

UNIVEL NO RONDON

Esta é a segunda vez que a Univel participa do Projeto Rondon. Em 2018, uma equipe da instituição integrou a Operação Palmares. Na ocasião, os professores Anderson Costa e Giovani Pinheiro coordenaram as ações dos acadêmicos na cidade de Quebrangulo, no interior do Estado do Alagoas. 

 

O Centro Universitário Univel apoia o Projeto Rondon e pretende enviar novas propostas de participação. Então, se você tem interesse em participar, fique atento aos murais e aos sites ligados a instituição. 

 

CONFIRA NAS IMAGENS DE BRUNO PASQUALOTTO COMO FOI O ENCERRAMENTO DA OPERAÇÃO YAGUARU

E AÍ, GOSTOU DO CONTEÚDO
OU TEM ALGUMA SUGESTÃO?

Entre em contato: [email protected]