POR:

Letícia Marasca

Acadêmica de Jornalismo

COMPARTILHE

A arte de Renan Botke

Cores e formas que possibilitam diferentes interpretações e um novo universo artístico

17 de setembro de 2019

COMPARTILHE

POR:

Letícia Marasca

Acadêmica de Jornalismo

Ao passar pela cantina da Univel, dê uma atenção especial para as paredes e pilares. Isso porque, a instituição disponibiliza este espaço para o Projeto de Extensão Espaço Cultural Univel, que expõe, no mês de setembro, obras do artista Renan Botke de Oliveira. 

 

Arquiteto por formação, Renan foi selecionado a expor suas obras na Sala Verde da Biblioteca Municipal de Cascavel no mês de agosto e, em seguida, convidado a trazer suas produções para a Univel. No hall central da cantina obras de pintura e desenho convidam os olhos de quem passa por alí. Segundo o artista, os trabalhos expostos na instituição foram produzidos nos últimos dois anos. “Quando minha produção se intensificou, comecei a pesquisar e a testar tintas e superfícies diferentes”, conta Renan. As obras que compõem a exposição, são constituídas por tinta acrílica e folha sulfite A3.   

 

Mas de acordo com Renan, além das obras disponibilizadas na Univel, a exposição que ocorreu na Biblioteca Municipal de Cascavel contou com trabalhos feitos em outras superfícies, de tamanhos variados, além de esculturas produzidas pelo artista. 

 

Suas produções surgiram a partir de experimentações de técnicas, de acordo com o arquiteto. “Não tem um tema, geralmente as figuras que aparecem são de animais, expressões em mandala e referências de imagens dentro de um contexto bem subjetivo. É uma mistura, criando um outro universo”. 

 

Apesar de não ter formação na área, o interesse pela arte surgiu desde cedo na vida de Renan. Segundo ele, nos últimos dois anos a motivação cresceu e foi alimentada por pesquisas e muita prática. “Eu fico muito feliz e até um pouco surpreso com a resposta das pessoas, todos elogiam bastante. Por trazerem formas, fica bem interpretativo e essa é a intenção. E a parte legal é ver que isso deu certo, a mesma tela pode ter muitas interpretações e nenhuma está errada.” afirma o artista. 

 

Como inspiração artística em sua trajetória, Renan conta o surgimento e o incentivo do interesse pela arte. “Tudo pode ser uma referência, cada desenho é uma mistura de várias influências. Mas acho que a influência principal para mim, é a minha mãe que sempre foi uma artista. Eu cresci vendo ela fazer muitas coisas diferentes e isso facilitou meu contato com a tinta e com a arte em geral.” conta o artista. 

 

Projeto de Extensão Espaço Cultural Univel

 

O professor do curso de Artes e coordenador do Projeto de Extensão Espaço Cultural Univel, Antônio Carlos Machado, lembra que todo mês tem uma nova exposição. “Os trabalhos são escolhidos, em geral, através do Edital de Exposições que publicamos no início de cada ano. E o Projeto é aberto a comunidade cascavelense”, explica o coordenador. 

 

O objetivo do projeto, segundo Antônio Carlos, é a troca de conhecimento, proporcionar o envolvimento com a arte e a cultura da cidade. “Com este projeto o Centro Universitário Univel possibilita o fomento e a difusão das artes visuais, produzidas dentro e fora da instituição. Além disso, promove a formação de um público sensível as atividades culturais e o contágio de emoções produzido pelo contato com a arte”. 

E AÍ, GOSTOU DO CONTEÚDO
OU TEM ALGUMA SUGESTÃO?

Entre em contato: [email protected]